quinta-feira, 4 de fevereiro de 2016

NTE Ananin na escola Flaviano Gomes

Descobrindo as possibilidades
Hoje o NTE Ananindeua esteve na escola Flaviano Gomes com a formação inicial do Computador Interativo, popularmente conhecido com “Arthurzinho” por ser menor que o seu antecessor, o projetor multimídia distribuído pelo MEC e que recebeu também o carinhoso apelido de “Arthur”. O objetivo dessa primeira formação é para apresentar o equipamento , demonstrar toda a sua parte física e operacional, os recursos e programas básicos e uma breve explanação sobre suas potencialidades pedagógicas e sua praticidade, já que o equipamento pode ser facilmente transportado para qualquer ponto da escola.Essa mobilidade permite ao professor, criar atividades que podem ser utilizadas em diferentes turmas, sem que necessariamente o professor desloque toda uma turma para uma área comum, com geralmente acontece, dessa forma há uma economia de tempo  e um ganho de aprendizado. 


Formador Denis e as professoras da escola

As professoras da escolas ficaram encantadas com a novidade, borbulharam de ideias e demonstraram muita energia para aprender mais sobre o equipamento. Sem dúvida alguma essa é uma atitude assertiva na medida em que se transforma em uma fonte inesgotável de ideias e de conteúdos mais interessantes e lúdicos, especialmente no ensino fundamental, quando se dá os primeiros passos rumo ao descobrimento e à curiosidade e como diria o poeta, é a curiosidade que nos move. Agradecemos à toda comunidades escolar, aos professores(as), e à direção que nos acolheu com  um sorriso e com seu interesse de mudar o chão da escola. Daremos continuidade com a formação pedagógica no dia 04 de Março, com a professora Célia França. Depois de tudo dito é só aguardar para publicarmos nosso próximo post.Até lá então... 

terça-feira, 2 de fevereiro de 2016

A "Onda Técnica" continua na Escola Nagib Coelho

A "Onda Técnica" esteve na Escola Nagib Coelho...

 A escola está com nova direção ,  Sônia Batista, ela solicitou a presença do NTE Ananin para dar uma suporte na instalação do sistema Linux Educacional dos novos PCs que chegaram à sala de informática, assim como foram consertados os computadores da sala dos professores e notebooks da sala de recursos multifuncionais. Amanhã retornaremos para os ajustes finais de acesso a internet.

NTE Ananin otimiza pcs no Pietro Gerosa.


 O NTE Ananin está ousando...  seus formadores agora desbravam o lado técnico das salas de informática.  Os professores Luis Cavalcante  e Eric estiveram na escola Pietro Gerosa no curuçambá, dando manutenção nos computadores, instalando sistema operacional e revisão a rede lógica. O professor Cavalcante que trabalhou na DITEC (Diretoria Técnica da Seduc) trouxe consigo essa habilidade que se somou ao trabalho do professor Tony Cunha já realizava algumas manutenções em várias escolas. Vale dizer que esta não é a missão oficial do nte, mas o que for possível realizar para que este espaço continue funcionando o faremos. Chamaremos estas postagens envolvendo manutenção de "Onda Técnica".
 


domingo, 31 de janeiro de 2016

O uso da Imagem nas redes sociais e os perigos da Internet

Nosso formador Denis Frank com a turma animada da escola

Na última sexta-feira (29) estivemos com uma galera pra lá de animada....trata-se dos alunos da escola Zulima Vergolino Dias que ficaram totalmente desesperados ao serem chamados ao auditório...”o que foi que eu fiz tio..??” alguns perguntavam com um olhar “angelical” ao  formador Denis Frank, que para piorar a situação dizia com voz séria: “...você já sabe!”....Mas como não trabalhamos para nenhum grupo terrorista, imediatamente revelamos que se tratava na verdade da palestra sobre o uso da imagem nas redes sociais e na internet, onde essa “galera animada” circula livremente e em meio a esse “mar” de informação ficam muitas vezes totalmente à deriva  e expostos a terríveis “tubarões”. Para ajudar, nosso formador explicou, dentre outras coisas, como é na realidade toda essa engrenagem que passa pelo comércio de informações (data-money) até crimes gravíssimos como pedofilia e processos judiciais por crime de difamação. Como eram muitos alunos, foi impossível ter o “controle” e a atenção deles 100% mas nada que prejudicasse o trabalho, que foi realmente muito proveitoso. Muitas...mas muitas dúvidas foram tiradas e muitas histórias divertidíssimas também. O que aprendemos dessa nossa primeira palestra de 2016?? Que ainda falta muita informação. Os jovens muitas vezes não tem a quem perguntar porque seus pais nem sempre entendem muito bem esse mundo tecnológico, já que após a netboom (explosão da internet) milhões de toneladas de informações (acho que exagerei...!)  foram “despejadas” em nossas mentes e isso traz muitas dúvidas na maioria dos usuários caseiros (termo utilizado para pessoas sem conhecimento avançado). Acreditamos que essa necessidade de informação desesperada nos leva a criar uma espécie de “prisão” na medida em que não sabemos identificar com clareza o limite entre a pesquisa, divertimento e vício doentio. A solução para resolver esse novo cyberproblema?? Conversa... muita conversa! Olhar atentamente o que os jovens andam fazendo na internet é fundamental, mas não basta apenas conhecer o problema...é necessário criar a reflexão e o olhar nos olhos (coisa cada vez mais rara...)... é resgatar (salvar) o prazer do ócio e das amizades verdadeiras...ou você quer acreditar que realmente tem milhares de amigos só porque eles estão na sua lista do Facebook ou WhatsApp?? Deixamos aqui a reflexão. Agradecemos especialmente a todos os alunos que com sua espontaneidade participaram de forma ativa com suas perguntas e nos fizeram acreditar que muitas vezes o conteúdo puro e simples deve ser substituído por um “papo” aberto e franco. Um grande abraço e até nosso próximo post.

Marituba: Escola Nossa Senhora do Rosário

auditório da escola
Como parte de seu trabalho na recente USE 20 o NTE Ananin começou a visitar e agendar as  formações nas escolas do Estado em Marituba. Aproveitamos o espaço cedido pelas escolas na semana pedagógica para fazer uma palestra mostrando qual o objetivo e as propostas do NTE para a operacionalidade das salas de informática dentro de uma perspectiva pedagógica e de inclusão das tecnologias no ambiente escolar, lembrando que na realidade a tecnologia já faz parte da vida da maioria dos alunos há muito tempo. É essa geração “Smart” que troca a televisão por celulares de última geração para ter o acesso individual a internet e a se comunicar de forma cada vez mais dinâmica e interativa. Pensando nessa  realidade e procurando sempre motivar os professores a fazer parte também desse processo que o NTE mostra as possibilidades de uso adequado d
formador Denis Frank
a tecnologia, mesmo porque essa via é de apenas uma mão, portanto, não tem volta. Na palestra na escola, tivemos por alguns minutos a oportunidade de dialogar e de trocar informações com os professores e com a coordenação da escola através de nosso formador Denis Frank. Falamos da importância da parceria da escola com os professores, propiciando os momentos de formação continuada dentro do expediente regular, já que para a maioria dos professores, trabalhar em mais de uma escola é uma necessidade e nem sempre sobra “gás” para estudar e se aperfeiçoar nessas novas formas de ensinar e aprender. Como diria nossa querida formadora Célia França, é preciso de um “encantamento” pelas TICS e também uma predisposição para ir além e inovar, pois isso além de uma processo de ensino-aprendizagem também é um resgate da identidade do profissional da educação que anda desmotivado e “desencantado”  com seu ofício. Não temos como dizer por quanto tempo a educação deverá “padecer” nesse “purgatório” da falta de reconhecimento mas temos certeza que devemos seguir em frente na esperança de dias melhores.....Agradecemos a direção da escola e seu corpo docente e nos colocamos a disposição para ajuda-los no quer for necessário. Um forte abraço e até nossas primeiras formações.
ERC  Nsa.Senhora do Rosário- frente

NTE na escola Walter Bezerra Falcão


O NTE Ananindeua esteve dia 27 pela manhã na escola Bezerra Falcão para uma oficina sobre o aplicativo ISSUU, que é uma plataforma de divulgação e publicação mundial de livros e revistas com mais de 15 milhões de publicações até 2015. A ideia de fazer uma revista interativa e que pode ser compartilhada em todas as redes e micro-redes sociais partiu em decorrências de ações da escola em uma comunidade quilombola. O formador Denis Frank, explicou todos os procedimentos de abertura de conta e upload do material em PDF que depois de realizado passará a ser uma revista digital. A escola está empenhada em transformar esse projeto em um material que será apresentado à comunidade quilombola do Abacatal. Os alunos também estão muito empenhados e motivados a transformar esse projeto em um presente à Comunidade com um reconhecimento a importância histórica e cultural das comunidades negras que lutaram por sua liberdade.O trabalho agora é organizar o conteúdo da revista eletrônica e lançar a primeira edição desses alunos-editores. Na oportunidade, parabenizamos toda a escola, sua direção e em especial às professoras Sandra e Linda pela dedicação e empenho dado ao projeto. Esperamos nos encontrar no lançamento oficial da revista em breve e celebrarmos juntos mais uma conquista dos alunos e de todos os envolvidos na educação e no desenvolvimento do ensino, da cultura e das tecnologias no ambiente escolar. Um grande abraço e até nosso próximo post.