segunda-feira, 27 de janeiro de 2014

Tablet Educacional: Manual de Assistência Técnica

ATENÇÃO

Em virtude do grande número de ligações recebidas com dúvidas em relação ao procedimento de Assistência Técnica dos tablets educacionais decidimos colocar o resumo dos procedimentos a serem tomados para a solicitação correta. Siga os passos abaixo e se tiver dúvida em relação a algum tópico favor entrar em contato conosco ou passar aqui no NTE, no final desta página você pode ainda fazer o download completo do manual. 


Como Solicitar Atendimento

O contato com o Call Center da contratada pode ser realizado todos os dias úteis de 08:00h às 18:00h, horário de Brasília/DF, por meio do nº. 0800.644.6591.

Antes de entrar em contato com o Call Center, tenham em mãos as seguintes informações que lhe ser solicitadas para o atendimento:
- número de série do Tablet Educacional;

- descrição detalhada do defeito;

- nome completo do usuário do equipamento e dados de contato (telefone e e-mail);

- nome da unidade educacional do usuário do equipamento;

- endereço completo da unidade educacional (incluindo bairro, cidade, UF e CEP).

O número de série do Tablet Educacional encontra-se anotado:

- em uma etiqueta na caixa do equipamento;

- na lateral do equipamento, como indicado nas figuras a seguir.






Para acessar o mero de série, você precisa remover a capa que protege o Tablet Educacional (imagem a seguir).




Recomendamos que você anote o número de série do seu Tablet Educacional em um bloco de anotações à parte.

Ao ligar para o Call Center, passe as informações solicitadas pelo atendente, seguindo as instruções que este lhe transmitir, e que podem ajudá-lo a colocar o seu Tablet Educacional novamente em funcionamento.
Havendo a necessidade de um atendimento de garantia para o equipamento, o atendente lhe informará:
- protocolo do chamado;

- instruções para entrega do equipamento.

2 comentários:

Geraldo Lopes disse...

.




Podemos resumir o tablet educacional T77 da CCE (muito semelhante ao modelo da Positivo) da seguinte forma:

Vantagens:

- 0800 - como foi grátis é uma vantagem que deve ser levada em conta (o tablet foi doado aos professores)
- capacidade de armazenamento SD interno de 16GB (poucos possuem esta capacidade)
- entrada de cartão micro SD até 32GB
- Carregador e cabo de conexão com filtro (elimina ruídos)
- Tela capacitiva de cinco toques (ainda existem no mercado telas resistivas)
- câmera de 2 MP atrás e VGA na frente (muitos ainda vem com apenas 1 câmera)
- bluetooth e wifi (acredite... já vi tablet que não tem bluetooth)
- capa de proteção de borracha (a capa é muito bem feita)
- possui entrada/saída de mini HDMI, micro USB, mini USB (ótima para pendrives)
- possui luz espia que monitora status da bateria: vermelho (bateria descarregada), laranja (bateria em uso) e azul (bateria 100% carregada)
- dizem que tem garantia de 2 anos...

Desvantagens:

- o ideal seria que os professores recebessem um salário digno e comprassem seu próprio tablet (depender de doação é humilhante)
- a marca CCE (JAMAIS compraria um produto desta marca com meu dinheiro...)
- de novo a marca CCE (assistência técnica medíocre e de péssima qualidade)
- tela de 7" (tablet tem que ser de 10" principalmente se usar para trabalhar, como é a finalidade do "tablet educacional para professores". Experimente abrir uma planilha numa tela de 7" e entenderá o que estou falando...)
- ICS 4.0.4 - kernel Linux 2.6.34 (Android defasado rodando em um Kernel Linux antigo)
- nunca será atualizado sua ROM (nasceu e vai morrer com o Android que veio de fábrica)
- falta de suporte on-line (a CCE não disponibiliza a ROM original para download. Sua página só serve para fazer propaganda de seus produtos.)
- Bateria fraca (não saia sem seu carregador...)
- Cheio de APPs inúteis (um problema para quem não sabe rotear Android)
- Som viva-voz muito, muito, muito, muito baixo...
- Falta GSM/3G (é bom ter para não ficar preso a redes wireless, pois a rede não funciona em muitas escolas públicas)
- Apenas 500 MB de Armazenamento Interno para programas (pouquíssimo espaço para instalar programas)
- Apenas 512 MB de RAM (no mínimo deveria ser 1 Giga)
- processador ARM Cortex-A9, 1GHz do tipo single-core "Amlogic AML8726‐M3" (no mínimo deveria ser dual-core de 1.5GHz)
- GPU ARM Mali-400, 250MHz lançado em 2010 (no mínimo deveria ser a Mali-450 MP)
- sensor de luminosidade não funciona (em modo automático a tela fica escura demais)
- não tem sensores GPS, magnetômetro e nem giroscópio (só tem o acelerômetro, que vira a tela de vertical para horizontal)
- carcaça do tablet e capa de borracha "amarelo canarinho" (custava ser todo pretinho ou cinza claro???)

OBS: A placa de circuito principal do tablet e alguns outros componentes internos foram projetadas e fabricados pela ZTE, uma fabricante chinesa que aceita encomendas do tipo "OEM" - Original Equipment Manufacturer. Normalmente produtos OEM não vêm com caixa, manual, cabos ou qualquer acessório, sendo responsabilidade da empresa que fez a encomenda colocar numa carcaça com o seu nome e logotipo (CCE ou POSITIVO), embalar numa caixa de papelão branco e entregar ao cliente final (no caso o MEC). Este por sua vez repassa aos estados e municípios que distribui aos professores responsáveis pela guarda do aparelho.



.

Eliseu Oliveira disse...

MANO QUAL MODELO DA POSITIVO ELE É SEMELHANTE?