terça-feira, 23 de agosto de 2011

Biblioteca ou Sala de Informática

O crescente investimento do governo federal em equipamentos para a informatização das escolas tem suscitado os mais diferentes debates e situações. Em nossas visitas de assessoria e orientação técnica nos deparamos com a falta de espaço físico para a alocação/instalação dos computadores e, em muitos casos, o dilema é: manter a biblioteca ou desmontá-la para ceder espaço para a Sala de Informática?

A solução não é tão simples assim, computadores e livros possuem especificidades diferentes que desenvolvem habilidades diversas. Creio que podemos tecer alguns comentários e observações para clarear as ideias e lançar alguma luz a esse impasse.

Uma biblioteca é um espaço pedagógico fantástico se contém em sua rotina ações de formação de leitores, clube da leitura, hora do conto e outras atividades de letramento e leitura. Por outro lado, manter uma biblioteca ociosa, empoeirada e sem visitantes não parece uma opção vantajosa.

Os computadores possuem a fama de despertar muito mais interesse nos alunos que os livros, talvez pelo fato de apresentar uma dinâmica mais interessante de leitura unindo áudio, imagem e animações associados ao texto.

Através da internet temos o acesso a diversas bibliotecas virtuais e a um acervo ilimitado de publicações.

Acreditamos que através do computador podemos lançar mão de diversas propostas de incentivo a leitura ao passo que manter uma biblioteca sem um projeto de leitura e utilização do espaço é perda de possibilidades pedagógicas. Bom seria podermos contar com os dois espaços na escola com suas funcionalidades.

Não vamos encerrar esse debate aqui. Tá lançada a discussão...Biblioteca Escolar ou Sala de Informática? Se você tivesse que optar por um desses espaços na sua escola o que você faria?

Post: TC

Imagem: Web

Um comentário:

Léa Paraense Serra disse...

As duas.

Mas, se tiver que optar, parto da premissa de que já exista a Biblioteca na escola, então, fico com ela, atualizada.

E não apenas porque já existe.

Abraço.