domingo, 31 de janeiro de 2016

O uso da Imagem nas redes sociais e os perigos da Internet

Nosso formador Denis Frank com a turma animada da escola

Na última sexta-feira (29) estivemos com uma galera pra lá de animada....trata-se dos alunos da escola Zulima Vergolino Dias que ficaram totalmente desesperados ao serem chamados ao auditório...”o que foi que eu fiz tio..??” alguns perguntavam com um olhar “angelical” ao  formador Denis Frank, que para piorar a situação dizia com voz séria: “...você já sabe!”....Mas como não trabalhamos para nenhum grupo terrorista, imediatamente revelamos que se tratava na verdade da palestra sobre o uso da imagem nas redes sociais e na internet, onde essa “galera animada” circula livremente e em meio a esse “mar” de informação ficam muitas vezes totalmente à deriva  e expostos a terríveis “tubarões”. Para ajudar, nosso formador explicou, dentre outras coisas, como é na realidade toda essa engrenagem que passa pelo comércio de informações (data-money) até crimes gravíssimos como pedofilia e processos judiciais por crime de difamação. Como eram muitos alunos, foi impossível ter o “controle” e a atenção deles 100% mas nada que prejudicasse o trabalho, que foi realmente muito proveitoso. Muitas...mas muitas dúvidas foram tiradas e muitas histórias divertidíssimas também. O que aprendemos dessa nossa primeira palestra de 2016?? Que ainda falta muita informação. Os jovens muitas vezes não tem a quem perguntar porque seus pais nem sempre entendem muito bem esse mundo tecnológico, já que após a netboom (explosão da internet) milhões de toneladas de informações (acho que exagerei...!)  foram “despejadas” em nossas mentes e isso traz muitas dúvidas na maioria dos usuários caseiros (termo utilizado para pessoas sem conhecimento avançado). Acreditamos que essa necessidade de informação desesperada nos leva a criar uma espécie de “prisão” na medida em que não sabemos identificar com clareza o limite entre a pesquisa, divertimento e vício doentio. A solução para resolver esse novo cyberproblema?? Conversa... muita conversa! Olhar atentamente o que os jovens andam fazendo na internet é fundamental, mas não basta apenas conhecer o problema...é necessário criar a reflexão e o olhar nos olhos (coisa cada vez mais rara...)... é resgatar (salvar) o prazer do ócio e das amizades verdadeiras...ou você quer acreditar que realmente tem milhares de amigos só porque eles estão na sua lista do Facebook ou WhatsApp?? Deixamos aqui a reflexão. Agradecemos especialmente a todos os alunos que com sua espontaneidade participaram de forma ativa com suas perguntas e nos fizeram acreditar que muitas vezes o conteúdo puro e simples deve ser substituído por um “papo” aberto e franco. Um grande abraço e até nosso próximo post.

Nenhum comentário: